O que é?

Sinusite é uma inflamação da membrana dos seios nasais (cavidades cheias de ar, nos ossos ao redor do nariz).

Quais são os sintomas?

Começa com os sintomas de um resfriado, como coriza ou tosse, que persiste por mais tempo.  Um sinal de infecção bacteriana é que o muco de cor clara passa para amarela ou esverdeada.

Sinusite aguda causa um catarro espesso, dor e pressão na região da bochecha e nos dentes superiores. Pode também ocorrer dor entre e atrás dos olhos na região frontal e da nuca, sempre dependendo do seio paranasal afetado.

Sinusite Crônica pode ou não causar dor e frequentemente é acompanhado de obstrução e secreção nasal ou sensação de catarro atrás do nariz.

Como se adquire?

Após infecção viral, inflamação de origem alérgica ou por poluentes, a mucosa da região nasal aumenta de volume e obstrui a comunicação destas cavidades com as fossas nasais. Esta obstrução acarreta o início da colonização por germes e fungos que estão presentes na região, mas não encontravam condições favoráveis ao seu crescimento.

O que se sente?

A doença pode gerar sensação de “peso na face”, corrimento nasal, dores de cabeça, sensação de mau cheiro oriunda do nariz ou da boca e obstrução nasal com eventuais espirros.

Como o médico faz o diagnóstico?

O diagnóstico é feito através da história do paciente, exame físico da região e de exames radiológicos eventualmente necessários.

Como se trata?

Quadros de sinusite aguda geralmente respondem  a tratamento com antibióticoterapia. Quadros crônicos usualmente necessitam de procedimento cirúrgico.

( vide mais sobre Sinusite clique em Cirurgia Endoscópica Nasal – FESS)