A audiometria é um exame que avalia a audição das pessoas. Quando detecta qualquer anormalidade auditiva permite medir o seu grau e tipo de alteração, assim como orienta as medidas preventivas ou curativas a serem tomadas, evitando assim o agravamento. Este exame só pode ser realizado por um fonoaudiólogo ou otorrinolaringologista, pois são estes os profissionais habilitados a orientar corretamente todas as etapas para a realização do procedimento.
Os principais tipos de audiometria são a audiometria tonal, que é considerado um teste subjetivo para avaliar o grau e o tipo de perda auditiva. O paciente escuta apitos de intensidade e frequências diferentes através do uso de fones de ouvido no momento do exame. A audiometria vocal pesquisa a capacidade de compreensão da fala humana.

O paciente irá ouvir várias palavras através do uso dos fones e deve repeti-las. A margem de acertos é no mínimo 88% para ser considerado normal. Utilizado para auxiliar no diagnóstico de doenças do ouvido e na indicação de aparelho auditivo

O exame de audiometria tonal serve como base para diagnosticar a necessidade do uso de aparelho auditivo e, se necessário, o tipo de aparelho. Porém é necessário que junto a esse exame seja feito a audiometria vocal.

Estes exames dependem da colaboração do indivíduo, e são realizados com o paciente dentro de uma cabine acústica com fones de ouvido, visando isolá-lo do ruído ambiental e utiliza o equipamento chamado audiômetro.

Estes exames dependem da colaboração do indivíduo, e são realizados com o paciente dentro de uma cabine acústica com fones de ouvido, visando isolá-lo do ruído ambiental e utiliza o equipamento chamado audiômetro.

O teste pode ser aplicado em criança a partir de 3 anos. Nesse caso, é utilizado brinquedo durante o teste para facilitar as respostas.

O teste demanda avaliação médica prévia, de forma a assegurar que não haja obstrução dos ouvidos por cera, ou outros problemas. Havendo cera em excesso, sua remoção deverá ocorrer antes do exame. Não necessita preparo.

Na maioria dos casos a audiometria é indicada pelo médico devido a queixas relatadas pelo paciente no momento da consulta. Nestas queixas o profissional também deve considerar aspectos emocionais, psicológicos e odontológicos.

Existe também a impedânciometria ou imitanciometria, que fornece informações objetivas sobre a integridade funcional das estruturas do sistema auditivo (tímpano, ossículos, transmissão nervosa, etc), no qual é utilizado o aparelho Impedanciometro